sexta-feira, 22 de maio de 2015

Câmara Muncipal / Dengue //



22/05/2015 08h15 - Atualizado em 22/05/2015 08h20
AUDIÊNCIA DISCUTIRÁ MEDIDAS DE COMBATE À DENGUE EM VERTENTES
Objetivo é reunir ideias que ajudem na questão da prevenção ao mosquito.


Representantes da Secretaria municipal de saúde, dentre outras autoridades, se reunirão no plenário da Câmara na manhã desta terça-feira (26), em Vertentes (PE), para discutir novas ações de combate á dengue. A reunião tem como objetivo, discutir uma forma de impedir o avanço do número de casos de dengue na cidade.
Segundo Hélder Correia, secretário de saúde, o motivo principal é intensificar ações , que deixe a população mais consciente dos riscos e, de tal forma, contribuir de forma participativa. “Queremos reunir a população que tenha alguma idéia e que nos ajude nessa questão do combate, por isso, é importante a manifestação de toda a comunidade. A partir de agora cada um tem sua parcela de responsabilidade para combater o mosquito transmissor da dengue”, diz Correia.
De acordo com o secretário de Saúde, a audiência tem finalidade voltada para definir o dia, considerado “DIA D”, onde haverá a colaboração principalmente das escolas do município.
                                                
Por Fernando Barbosa

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Competência /



“A HORA DA VERDADE” ENTREVISTA PRESIDENTE DA CÂMARA DE VERTENTES.
Zé Ivanildo destacou algumas ações importantes no combate à seca.

O programa “a hora da verdade”, desta quarta- feira (20), capitaneado pelo radialista Neto Surubim, entrevistou o presidente da Câmara de Vereadores de Vertentes, José Ivanildo. Em pouco mais de 30 minutos de conversa, Zé Ivanildo destacou algumas ações desenvolvidas pela casa legislativa no município, dando prioridade a distribuição de 300 cisternas e outros projetos no tocante ao combate à seca.
Além de agradecer pelo apoio e parceria de associações, o presidente parabenizou o trabalho da prefeitura que vem desenvolvendo ações de limpeza de barragens e açudes em todo o município.
Zé Ivanildo finalizou a entrevista destacando a importância da audiência sobre segurança pública, que reuniu várias autoridades, dentre elas, o comandante do 24º batalhão da polícia Militar.

“Vereador é o político mais próximo do povo. Sinto-me feliz, durante esses 33 anos de vida pública, por estar presente em meio à população vertentense e poder contribuir para que vertentes possa continuar avançando a passos largos,” finalizou o presidente.


Por Fernando Barbosa                                                   

terça-feira, 19 de maio de 2015

Polícia Civil de Pernambuco /



MARCELO "MALHAS" RECEBE MEDALHA DE MÉRITO EM COMEMORAÇÃO DOS 198 ANOS DA PCPE 
Foto do Agreste Notícia


A Polícia Civil de Pernambuco homenageou policiais e pessoas que contribuíram direta e indiretamente para a segurança do nosso Estado. A cerimônia de entrega de medalhas do Mérito Policial, classe ouro, aconteceu nesta sexta-feira (15), às 09h, no Teatro Guararapes. O governador, Paulo Câmara, iniciou a solenidade ao lado do Secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho e do Chefe de Polícia Civil, Antônio Barros e encerrou a solenidade destacando alguns de tantos trabalhos investigativos que acompanhou e que teve uma resposta positiva para os servidores e para a sociedade. O governador ainda disse que pretende está presente também nos 200 anos da corporação, que estará cada vez melhor.
Entre os agraciados, o comissário  MARCELO “malhas”, que tem sua marca de eficiência e relevantes serviços prestados no município de Vertentes e, que atualmente faz parte da 21° DPH (Delegacia de Polícia e Homicídios) de Santa Cruz do Capibaribe, recebeu das mãos do governador , Paulo Câmara, a Medalha Mérito Policial Civil nível ouro, no 198º aniversário de fundação da PC em Pernambuco, fazendo jus ao brilhante trabalho de investigação realizado ao longo de todos esses anos.

Por Fernando Barbosa

HOMEM É AGREDIDO COM GOLPES DE TESOURA EM VERTENTES

Um homem deu entrada no Hospital Municipal de Vertentes, após ter sido agredido com pelo menos três golpes de tesoura na região do tórax.
O fato ocorreu na tarde do último sábado (16) na Rua Professor Francisco Pereira Coelho no bairro São José em Vertentes. A vítima foi identificada apenas pelo nome de Gerson, de idade não informada, que repassou para a Polícia Militar que foi agredido por um elemento conhecido como “Zé Rolinha”, que após a tentativa de homicídio fugiu com destino ignorado.
A vítima não corre risco de morte.
 
Do: Blog Agreste Notícia

domingo, 17 de maio de 2015

Programa de erradicação do trabalho infantil /



CONSELHO TUTELAR PARTICIPA DE AÇÃO CONTRA TRABALHO INFANTIL.
Secretaria de ação social reuniu crianças e adolescentes no centro de Vertentes. 
Plínio Xavier e Zenaildo Holanda


A atuação de crianças e adolescentes no comércio informal no município de Vertentes pode estar com os dias contados. A prefeitura municipal, através da secretaria de ação social deu início neste sábado (16), à campanha "DIGA NÃO AO TRABALHO INFANTIL”, ação conjunta com o objetivo de conscientizar a população e coibir o trabalho infantil em Vertentes.
A campanha, que inicialmente tem foco educativo, contou com a presença dos conselheiros tutelares, Plínio Xavier e Zenaildo Holanda. Segundo eles, conforme determinado em lei, é preciso retirar crianças e adolescentes do trabalho perigoso, penoso, insalubre e degradante; Possibilitando o acesso, a permanência e o bom desempenho de crianças e adolescentes na escola. “Além de apoiar o PETI – Programa de erradicação do trabalho infantil, iremos proporcionar apoio e orientação às famílias para que nenhuma criança ou adolescente seja prejudicado,” finalizou Zenaildo.


O que é o PETI?
O PETI é um programa do governo Federal que tem como objetivo retirar crianças e adolescentes, de 07 a 14 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante, ou seja, aquele que coloca em risco a saúde e segurança das crianças e adolescentes.

Saiba mais

O Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) busca eliminar o trabalho infantil, em parceria com os diversos setores dos governos estaduais e municipais e da sociedade civil. O objetivo principal do programa é manter as crianças e os adolescentes na escola, por meio da complementação da renda familiar.

Objetivo do PETI

O objetivo principal do programa é manter as crianças e os adolescentes na escola, por meio da complementação da renda familiar.
A quem se destina
As famílias que se enquadrem nas seguintes condições:
Renda per capita mensal superior a R$ 140,00.
Filhos com idade inferior a 16 anos nas diversas situações de trabalho.
Área rural ou urbana - R$ 25 por criança (para municípios com menos de 250 mil habitantes).
Área urbana - R$ 40 por criança (para municípios, capitais e regiões metropolitanas com mais de 250 mil habitantes).
A área é definida como Urbana ou Rural pela identificação do domicílio da família.

Benefícios gerados
Confira a seguir os benefícios trazidos pelo PETI:

Apoia e orienta as famílias beneficiadas que participam de ações socioeducativas.
Fomenta e incentiva a ampliação do universo de conhecimentos da criança e do adolescente, por intermédio de atividades culturais, desportivas e de lazer no período complementar ao do ensino regular Jornada Ampliada.
Estimula a mudança de hábitos e atitudes, buscando a melhoria da qualidade de vida das famílias, numa estreita relação com a escola e a comunidade.
Estabelece parcerias com agentes públicos que garantam ações de diversos setores, principalmente no que diz respeito à oferta de programas e projetos de geração de trabalho e renda, com formação e qualificação profissional de adultos, assessoria técnica e crédito popular.

As famílias com crianças em situação de trabalho infantil beneficiárias do programa Bolsa Família terão as crianças ou adolescentes nessa situação inseridas nas atividades socioeducativas e de convivência proporcionadas pelo PETI.

ECA - Lei nº 8.069 de 13 de Julho de 1990.
Art. 60. É proibido qualquer trabalho a menores de quatorze anos de idade, salvo na condição de aprendiz.        


Por Fernando Barbosa