Uma das maiores referências do Motocross em Pernambuco, o piloto Júlio César Xavier, morreu no fim da manhã desta terça-feira (27) na zona rural do município de Brejo da Madre de Deus, Agreste do estado. Júlio César estava dirigindo uma retroescavadeira próximo à estrada do Sítio Olho D’Água do Púcaro, quando encontrou um veículo quebrado e tentou ajudar. Enquanto fazia o reboque, a marcha travou e o trator virou por cima dele. O atleta ficou preso nas ferragens e não resistiu.
O corpo do piloto de 44 anos foi encaminhado ao Instituto Médico Legal em Caruaru. Quando liberado, ele deve ser velado na sede do Ypiranga, clube de futebol de Santa Cruz do Capibaribe.
Conhecido como o “Diabo Loiro”, Júlio César fez fama ao vencer campeonatos como o Alagoano, Sergipano e os Pernambucanos de MX1, MX2, MX3 e MX4. Nacionalmente, conquistou o título de vice-campeão Brasileiro de MX4, ano passado.